Latvala lidera na Suécia após erro de Neuville

Não havia necessidade em arriscar, nem sequer de mostrar tanto entusiasmo num troço espetáculo, como a Super Especial de Karlstad com apenas 1,9 km de extensão. Mas foi precisamente aí, no último troço cronometrado do dia que Thierry Neuville deitou a perder aquilo que poderia ser uma vitória anunciada, pois o piloto do Hyundai i20 WRC dispunha de 43,3 segundos de vantagem para o Toyota Yaris WRC de Jari-Matti Latvala, o seu mais direto opositor. Neuville deixou o Hyundai escorregar um pouco mais e um toque com uma roda deitou tudo a perder. O belga entregou numa bandeja a liderança a Latvala, contribuindo também para uma emoção fantástica para os três troços de amanhã, o último dia do Rally da Suécia.

Aquilo que parecia estar destinado à Hyundai e a Neuville, transformou-se numa incógnita para o derradeiro dia de prova, e isto porque qualquer um dos atuais pilotos do pódio pode ser o vencedor da prova sueca. Latvala que começou a prova a vencer está agora com escassos 3,8 segundos de vantagem para um sensacional Ott Tanak em Ford Fiesta WRC e 16,6 segundos para o campeão do mundo Sebastien Ogier, que ocupa o 3º lugar também ao volante de um Ford Fiesta WRC. Depois, já muito longe, Dani Sordo em Hyundai i20 WRC está em 4º, mas já a 1m39,5, enquanto o melhor Citroen C3 WRC ocupa a 5ª posição a 2m04,5 com Craig Breen ao volante. Contas feitas, parece que quem esfrega as mãos para já é a Toyota que comanda em ano de estreia do Yaris WRC e com Latvala a mostrar-se muito mais eficaz que em anos anteriores. Também a Ford está com um legitimo entusiasmo, não só por ter Tanak e Ogier em posição de vitória na Suécia, mas essencialmente porque este ano parece ser a recompensa para tanto trabalho da M-Sport.

Se a desilusão Neuville invade a Hyundai, Dani Sordo é uma fraca consolação, com um 4º lugar que não lhe deve fugir. Quanto à Citroen, também Kris Meeke estragou a festa depois de uma saída de estrada que o coloca agora na 12ª posição, precisamente seis segundos à frente de Neuville, deixando ao seu colega Craig Breen a defesa do “honra do convento”, com um apenas simpático 5º lugar a 2m04,5 do líder Latvalla. Em relação ao WRC2, Pontus Tidemand em Skoda Fabia R5 não dá hipótese, comandando folgadamente a categoria e ocupando o 9º lugar da geral. Para amanhã são apenas três troços cronometrados que vão decidir a vitória no Rally da Suécia, agora com apenas três candidatos de nome Latvala, Tanak e Ogier.

11 de Fev de 2017

 

Voltar >>

 

Bookmark and Share

 

 
Patrocínios/Parceiros