Cara-Tanak-1200x675

Tanak comanda, Neuville despista-se

12 maio 2019

O piloto estónio da Toyota solidifica a liderança em dia marcado pelo aparatoso acidente de Thierry Neuville na 8ª especial de classificação. O piloto belga da Hyundai, que ganhou o primeiro troço do dia, tinha de pressionar durante as especiais seguintes, para tentar ganhar terreno ao líder Tanak, mas também a Ogier e Latvala que estavam demasiado perto. Um impressionante despiste, numa altura em que Neuville seguia a fundo, motivou o abandono da dupla da Hyundai, depois do i20 WRC ter dado mais de uma dúzia de cambalhotas em pleno troço. Neuville e Gilsoul receberam assistência médica no local, tendo sido depois transportados para o hospital, onde se verificou não terem sofrido ferimentos graves.

Essa especial, Maria las Cruces foi ganha por Loeb, com a Toyota a tentar controlar na defesa da liderança de Tanak, através de maior pressão de Latavla, também para incomodar Ogier, que não largava a 2ª posição. Tanak não abre mão da posição de líder, vencendo a especial seguinte, dando sinais nítidos de querer sair do Chile como vencedor. Entretanto, Latvala sai da luta pelo pódio, devido a problemas mecânicos no Yaris, e entra na corrida Loeb, numa luta muito direta com Ogier, que será um dos pontos altos para o último dia de prova.

Tanak tem agora mais de 30 segundos de vantagem para os seus mais diretos perseguidores, parecendo ter tudo na mão, embora se saiba que na “Guerra dos Sébastien” pelo 2º lugar tudo poderá acontecer. Para Tanak e para a Toyota, há agora que suportar a pressão de dois grandes pilotos franceses. Ogier quer continuar bem dentro da luta pelo título e Loeb quer dar pontos à Hyundai e minimizar os estragos de Neuville. Para o derradeiro dia do Rali do Chile, Tanak conta com 30,3 segundos de vantagem para Ogier e 35,4 segundos para Loeb. Depois, no 4º lugar Elfyn Evan está já a 1m06,3 do líder e o outro Ford de Suninen está no 5º lugar, ainda mais longe, a 3m03 de Tanak, tendo, no entanto, de se defender de Esapekka Lappi que está a 3m13,3 e de Andreas Mikkelsen a 3m43,4 de diferença do comandante.

Na categoria WRC 2 a luta entre Kalle Rovanpera e Mads Ostberg continua, embora o piloto do Skoda Fabia R5 tenha 36,1 segundos de vantagem para o Citroen C3 R5. Para o último dia de prova estão agendadas mais 4 especiais de classificação, onde Tanak terá de se defender de possíveis ataques dos especialistas Ogier e Loeb, que prometem uma interessante luta entre eles.

Patrocínios
scroll up