Vodafone Rally de Portugal 2022 - Onde ver (22 de Maio)

SS17/20 - Felgueiras

Horário — 1ª passagem às 7:08 I 2ª passagem às 10:08

Após o regresso na edição de 2021, o Vodafone Rally de Portugal volta este ano novamente às estradas do Monte de Santa Quitéria. O traçado é um autêntico carrossel florestal, intercalando zonas rápidas com passagens bastante exigentes do ponto de vista da condução. Um energético despertar bem cedo em Felgueiras, no último dia de competição.

Felgueiras

Zona Espetáculo 32

Esta zona localizada no início da classificativa permite assistir ao arranque e ainda à descida inicial que termina num gancho à esquerda. A falta de árvores e um anfiteatro artificial permite aos espectadores uma boa visibilidade. 

Veja como aceder à ZE32.

ZE32

Zona Espetáculo 33

Zona de visibilidade limitada em que o público pode acompanhar os concorrentes num gancho a descer à direita e numa sequência de curvas onde os carros da frente poderão exibir toda a sua potência na abordagem ao percurso.

Veja como aceder à ZE33.

ZE33

Zona Espetáculo 34

Esta zona espetáculo encontra-se na travessia de alcatrão após a descida do Santuário de Santa Quitéria. A visibilidade não é muito ampla, mas os espetadores poderão assistir a uma sequência de zonas rápidas antes do percurso entrar novamente na floresta.

Veja como aceder à ZE34.

ZE34

Zona Espetáculo 35

Na última zona da classificativa de Felgueiras, os concorrentes abordam uma longa curva à direita que os espetadores poderão acompanhar do lado interior da mesma. A visibilidade é limitada mas o espetáculo está obviamente garantido. 

Veja como aceder à ZE35.

ZE35


SS18 - Montim

Horário — 1ª passagem às 7:57

Apesar de conservar poucas zonas comuns à versão original criada em 1986, este troço concentra no seu piso rápido toda a intensidade do último dia de prova. Sendo um troço bastante curto, é suficientemente intenso para ditar abandonos inesperados: vale a pena lembrar o dia em que o piloto espanhol Carlos Sainz, em 1993, viu o seu Lancia capotar, obrigando-o à desistência. Montim reforça assim a sua importância, caso a decisão do vencedor seja decidida nos últimos quilómetros do rali.

Montim

Zona Espetáculo 36

Zona bastante técnica que permite acompanhar o final da prova com um salto e ainda todo o movimento ao redor da zona espetáculo.

Veja como aceder à ZE36.

ZE36

Zona Espetáculo 37

Na zona planáltica, os concorrentes terão pela frente uma secção rápida, permitindo aos espectadores uma ampla visibilidade. 

Veja como aceder à ZE37.

ZE37

Zona Espetáculo 38

Zona de boa visibilidade, localizada num anfiteatro natural, numa parte do troço também ela rápida e com uma esquerda bastante técnica.

Veja como aceder à ZE38.

ZE38


SS19/21 - Fafe

Horário — 1ª passagem às 8:38 I 2ª passagem às 12:18

Considerado como “A Catedral dos Ralis em Portugal”, num perfeito paralelismo com a devoção e romaria que ali ocorre na passagem dos concorrentes. Os seus 11,18 km albergam os dois maiores cartões de visita da prova: o Confurco e a passagem no asfalto — sem esquecer o Salto da Pedra Sentada, que encerra o troço com chancela de ouro. A ambos os locais acorrem muitos milhares de pessoas, “em peregrinação”, para assistir à passagem da caravana do WRC. A festa começa na tarde anterior, quando se começam a juntar espectadores que guardam o melhor lugar para assistir à passagem dos carros, e dura até ao último concorrente passar pelo troço que será também palco da Power Stage.

Fafe

Zona Espetáculo 39

Esta zona espetáculo marca a entrada na parte mais conhecida do troço de Fafe. Os concorrentes aproximam-se em alcatrão para entrar na terra num gancho à esquerda num cruzamento. Com a visibilidade mais limitada de todas as zonas espetáculo de Fafe, esta secção não deixa de ser um clássico da prova não tivesse o rally passado aqui pela 1º vez em 1984.

Veja como aceder à ZE39.

ZE39

Zona Espetáculo 40

Trata-se de uma zona que tem na visibilidade o seu ponto de maior destaque. Dada a sua extensão ao longo da classificativa, poderá devidamente acompanhar os concorrentes durante alguns minutos, uma vez que esta zona espetáculo encontra-se num ponto alto, o que facilita a visibilidade por parte dos espectadores ao longo da prova. 

Veja como aceder à ZE40.

ZE40

Zona Espetáculo 41

Esta zona espetáculo tem na visibilidade o seu ponto forte. Os concorrentes podem ser devidamente acompanhados durante vários quilómetros antes de marcarem presença no ponto alto desta secção, o famoso Salto da Pereira — o primeiro de dois saltos que poderá ver e com que pode contar aqui no troço de Fafe. 

Veja como aceder à ZE41.

ZE41

Zona Espetáculo 42

No conhecido Confurco, a visibilidade e o conforto estarão aliados para criar um ambiente que todos os anos se revela impressionante. Aqui os espetadores poderão acompanhar a descida até à EN311, a tradicional passagem pelo alcatrão, e depois a subida em direção ao final da classificativa e ao Salto da Pedro Sentada.

Veja como aceder à ZE42.

ZE42

Zona Espetáculo 43

Zona espetáculo de excelência onde o famoso Salto da Pedra Sentada será aguardado por todos com enorme expectativa e emoção. Estando localizado a poucas centenas de metros do final da classificativa e do final da Power Stage, será por certo um final em grande para o Vodafone Rally de Portugal 2022.

Veja como aceder à ZE43.

ZE43

Patrocínios
scroll up