prova-JWRC

JWRC: Martins Sesks o mais “resistente”

23 maio 2021

Foi bastante animada, em termos de competitividade, a segunda prova da época do JWRC (Campeonato do Mundo Júnior), com Martins Sesks a vencer e sair do Vodafone Rally de Portugal como líder do campeonato. O letão, de 30 anos, filho de um antigo piloto de ralis e também ex-autarca da cidade de Liepaja, levou o seu Ford Fiesta Rallye4 a passar quase incólume à dureza da prova, já que entre furos e problemas mecânicos, uma boa parte dos seus rivais foi ficando pelo caminho.

O primeiro líder, na sexta-feira, foi o finlandês Sami Pajari, a quem sucedeu o britânico Jon Armstrong até à segunda passagem por Góis. Contudo, um furo fê-lo perder 4 minutos, permitindo ao primeiro recuperar o comando, com Marti Kocin a 25.7s e Sesks a 44.5. 

O desfecho desta segunda etapa do Mundial Júnior ficou sentenciado na longa etapa de sábado, quando Pajari também furou, cedendo mais de 3 minutos, altura em que Sesks assumiu, definitivamente, o primeiro lugar. Koci não passou incólume às dificuldades e perdeu o segundo lugar quando o seu Fiesta ficou com a transmissão partida. Armstrong voltou a não ter sorte, desistindo (era 4º) com problemas de motor e já alinhou na última etapa. Robert Virves acabaria por assegurar a última posição do pódio. 

Classificação final do JWRC

1º, Martins Sesks/Renars Francis 

2º, Sami Pajari/Marko Salminen

3º, Robert Virves/Sander Pruul

4º, Martin Koci/Petr Tsínsky

5º, Lauri Joona/Ari Koponen

Patrocínios
scroll up